Dia da Família, 8 de dezembro

dia da familia site

Nós da Família Hirota temos orgulho em ser uma família pronta a servir e receber a sua família.

 

Cristianismo, um dos maiores tributários da Plenitude das Famílias

Para falarmos sobre Família precisamos remontar a história.

A origem das comunidades cristãs deu-se em plena expansão do Império Romano.

O Império Romano adotaria as crenças cristãs como sua religião oficial, ocorrendo assim a fundação da Igreja de Roma. A partir desta, originaram-se as diversas doutrinas cristãs.

Ao longo dos tempos, foram várias as religiões originadas a partir desta ramificação (Igreja Luterana, Igreja Metodista, Igreja Presbiteriana, Igreja Anglicana).

O marco fundamental da origem do cristianismo refere-se ao nascimento de Jesus Cristo.

Mas a grande expansão cristã deu-se, séculos mais tarde, com a própria expansão colonial dos povos cristãos europeus colonizadores, que levaram a fé cristã para além-mar, no período das Grandes Navegações. No Brasil, a fé cristã foi trazida inicialmente pelos primeiros catequizadores da Companhia de Jesus.

O calendário internacional toma o nascimento de Jesus Cristo como marco referencial para a contagem dos anos. As datas cristãs comemoradas são o Natal (nascimento de Jesus Cristo), o Dia de Reis, a Quaresma e a Páscoa. A Ascensão e os Pentecostes também constituem datas comemorativas, embora sejam mais difundidas apenas entre os seguidores de algumas das doutrinas originadas do Cristianismo.

Os Estados Unidos da América é o país com maior quantidade de cristãos no planeta, com mais de 246 milhões, em segundo aparece o Brasil, com mais de 175 milhões de cristãos e em terceiro o México, com 107 milhões de cristãos.

O cristianismo tem se desenvolvido em todos os continentes e é a maior religião do mundo. A família  Hirota tem orgulho e o privilégio de ter ascendência cristã, pois seus antepassados que viviam no Japão, já eram cristãos em um país onde apenas 1% da população é cristã.

 

O Brasil como país predominantemente cristão, tem como base a família e prega a união e o bom relacionamento entre todos os membros, tanto para famílias estabelecidas quanto para amigos que formam famílias.

Uma das formas mais utilizadas para a perpetuação das famílias são as reuniões que geralmente acontecem em volta das mesas durante as refeições no dia a dia e especialmente aos domingos.

É fato o poder das refeições familiares, que favorecem à inteligência, sabedoria, fortalecimento da auto estima, segundo um estudo realizado pela pesquisadora Miriam Weinstein, do Centro Nacional de Dependências & Drogas (CASA) da Universidade de Columbia. O impressionante poder das refeições em família desperta a atenção de muitos estudiosos ao redor do mundo e Marla E. Eisenberg, da Universidade de Minnesota, também chegou a resultados similares em um outro estudo realizado com quase 5 mil adolescentes.

Comer em família é um ritual e faz toda a diferença na atualidade quando as telas de tv, telefone, tablets e computadores se sobrepõem ao bate papo, a conversa corriqueira entre pais e filhos, irmãos e amigos.

É com pessoas reunidas em torno de uma mesa que muitos temas são debatidos, os mais velhos repassam ensinamentos e valores éticos baseados em nosso Eixo Cultural: Fé, Família, Escola e Trabalho.

E é com a regularidade desses almoços com longas conversas à mesa que há uma sinergia constante entre pessoas de todas as idades e principalmente dos mais novos com os mais velhos.

O formato tradicional de família hoje divide espaço com as pessoas que moram só e também buscam nos amigos, uma integração em torno de uma mesa.

Ser família hoje é construir um espaço de confiança e apoio incondicional. É saber que nesse espaço, cada membro terá acolhida, carinho e compreensão, sem importar as falhas e limites pessoais. É um antídoto para a solidão, o desespero e a tristeza.

Ser família hoje, significa nadar contra a maré e ter coragem de corroborar valores como solidariedade, amor ao próximo, honestidade, dignidade e respeito às diferenças. É saber colocar limites e respeitá-los também. É conviver com as diversas formações que surgem com o tempo: filho de ex-marido, atual namorada do pai, etc…, respeitando cada ser humano, convivendo com harmonia.

Podemos dizer que existem muitos tipos de família. Ser família, hoje, significa desafiar todos os problemas que vão contra os valores do amor, da justiça e do diálogo. O núcleo familiar deve continuar sendo a primeira escola para desenvolver o ser humano em todos os seus aspectos.

Com o objetivo de levar o nosso DNA até você, formamos nossos colaboradores para serem “Gente de Valor”. Trabalhamos para formar gente, gente virtuosa, gente competente, “Gente de Valor”. Através do Eixo Cultural, Fé, Família, Escola e Trabalho direcionamos nossos trabalhos e esforços na construção de mundo melhor, mais justo, mais humano, menos desigual e feliz.

A Família Hirota trabalha tanto no desenvolvimento das virtudes dos seus colaboradores oferecendo diversas atividades que ressaltem os valores aprendidos no seio familiar, quanto na responsabilidade social, coletando e doando alimentos a dezenas de milhares de famílias necessitadas. Recentemente foram doados quase 30 mil quilos de alimentos para instituições que auxiliam famílias carentes.

E na incessante busca por uma família melhor, mais unida com base na fé, nas virtudes e sobretudo na ética, é que a Família Hirota persegue sua missão. Missão de tornar o dia a dia melhor através de alternativas práticas, gostosas e saudáveis de alimentação. Pensando na perpetuação da história e do bom relacionamento entre pessoas de uma mesma família, é que decidimos criar um grupo com especialistas em gastronomia e nutrição para facilitar a vida dos nossos clientes. Aproveite seu tempo e viva mais em Família!